Transtornos do Espectro do Autismo (TEA)

Proporcionamos formação e emprego para as pessoas com TEA e diagnósticos semelhantes


Para o Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) não existe uma única causa conhecida. Chama-se “transtorno do espectro” porque é definido como um conjunto de comportamentos que afeta cada indivíduo de modo diferente e em grau variável. No entanto, há características em comum, como carência variável (dificuldades em nível variado) na interação social e nas habilidades de comunicação. No mundo inteiro, o consenso entre os especialistas sugere que o número de sujeitos com TEA segue aumentando. Os resultados dos estudos epidemiológicos indicam que o TEA afeta mais de 1% da população mundial e é mais comum em homens que em mulheres.

Fonte: Transtorno do Espectro do Autismo: Uma Perspectiva Global, por Alisha S. Richmond

Uma pessoa com TEA apresenta frequentemente uma ou várias das seguintes características:

  • Aptidão matemática, tecnológica, musical e artística
  • Excelente capacidade de concentração, especialmente nas atividades de que gostam
  • Habilidades visuais proeminentes
  • Talento para atividades repetitivas e para dedicar-se à realização de tarefas metódicas sem perder a concentração
  • Uma grande capacidade para compreender e lembrar de regras, padrões e conceitos concretos
  • Excelente memória de longo prazo, sobretudo para fatos, estatísticas, etc
  • Adesão às normas
  • Honestidade

São exatamente estas as características que a Specialisterne quer focar, cultivar e canalizar.

Casos reais

Somos avaliados em satisfação pelos nossos clientes com um valor de 4,4 em uma escala de 1 a 5. Leia casos como os da IHFood, GlobalConnect e TDC para conhecer os serviços de TI que proporcionamos.

Clique aqui para ver os nossos casos.

Fale Conosco

A nossa prioridade é divulgar o valor da Specialisterne e o nosso objetivo de contribuir para a criação de um milhão de postos de trabalho para pessoas com Transtorno do Espectro do Autismo e desafios similares. Siga-nos no Facebook, LinkedIn ou Twitter.