A Specialisterne demonstra o seu valor social e econômico


A Specialisterne Foundation publicou um estudo que demonstra o valor sócio-econômico do emprego da Specialisterne para as pessoas com Transtornos do Espectro do Autismo (TEA), na economia e na sociedade dinamarquesa. O estudo das Análises de Impacto da Specialisterne mostra que no período de cinco anos, compreendido entre 2008-2012, as pessoas com TEA empregadas por ou através da Specialisterne geraram um valor líquido de 13,5 milhões de coroas dinamarquesas para o governo dinamarquês.

Isto significa que de 2008 até 2012 a Specialisterne criou um valor social e econômico bruto de 49,4 milhões de coroas dinamarquesas através da contratação ou do apoio à criação de postos de trabalho para as pessoas com TEA. Estes 49,4 milhões de coroas dinamarquesas são gerados pela poupança no sistema de previdência social dinamarquês e por meio das receitas obtidas dos impostos e das contribuições das pensões. Após a dedução do investimento público realizado para apoiar as pessoas com TEA nos seus postos de trabalho, o valor líquido para o Estado dinamarquês no mesmo período foi de 13,5 milhões de coroas dinamarquesas.

Uma outra forma de ver os dados é considerar que cada coroa investida num empregado da Specialisterne com TEA gera 2,20 coroas em impostos e contribuições nos cofres do estado dinamarquês.

O estudo também mede o impacto social de empregar uma pessoa com TEA em comparação com a mesma pessoa em situação de desemprego e ajuda social. Segundo o informe, 100% dos consultores da Specialisterne inquiridos declarou que passar da ajuda social para ser empregado da Specialisterne tem um impacto positivo nas suas vidas – sobretudo em termos de independência social e econômica e de bem-estar geral.

“O estudo demonstra categoricamente que o aproveitamento das competências e dos talentos das pessoas com TEA faz um sentido econômico e social. Já demonstramos que nossos consultores se converteram em valiosos contribuintes no mercado de trabalho, contribuintes sólidos e menos dependentes da ajuda social”, diz o CEO da Specialisterne, Steen Thygesen.

As conclusões do estudo foram verificadas por organizações públicas e privadas da Dinamarca, tais como a Câmara de Comércio da Dinamarca, o Fundo de Capital Social, o Centro Dinamarquês de Economia Social, a Fundação Rockwool, o Centro Nacional Dinamarquês da Investigação Social e o Conselho Nacional Dinamarquês de Serviços Sociais.

Casos reais

Somos avaliados em satisfação pelos nossos clientes com um valor de 4,4 em uma escala de 1 a 5. Leia casos como os da IHFood, GlobalConnect e TDC para conhecer os serviços de TI que proporcionamos.

Clique aqui para ver os nossos casos.

Clique aqui para ver o caso da SAP.

Fale Conosco

A nossa prioridade é divulgar o valor da Specialisterne e o nosso objetivo de contribuir para a criação de um milhão de postos de trabalho para pessoas com autismo e desafios similares. Siga-nos no Facebook, Instagram, LinkedIn, Twitter e Youtube.